quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Virada de ano Original

Há um lugar para chegar, uma hora para esperar, uma vida para ver, um novo pra conhecer. Existem sonhos para sonhar, existem lugares para visitar, existem lágrimas para chorar e pessoas que irão te apresentar. Existem amores para se amar, uma ponte para atravessar, coisas para chutar e muitas pedras para tropeçar.
Metade do mundo está ansioso para a famosa ‘virada’, essa metade do mundo está fazendo planos de qual roupa vestir, qual superstição usar, o que comer e quais amigos vão ver ou ligar, essa metade não pensa e não se preocupa com o que está aguardando.
A outra metade do mundo não curte a festa, está preocupado demais com tudo que está por vir, essa metade acostumou-se com o velho e tem medo de um novo pior.
Metade do mundo não gosta do velho e ama que virá, mesmo que não o conheça.
Metade do mundo vive com medo.
Metade do mundo está certo, a outra metade também pode estar.
No fundo de todos os corações, bem lá no fundo, todos sabem que o que é novo hoje, será igual em poucos dias. Talvez se dormíssemos, seria diferente, esqueceríamos da festa e do medo, seríamos únicos. Originais.

Em qual das metades você se identifica?
Desculpe-me, estou com sono, vou dormir.


Hélen Ariane.
PS. Hoje, 1 ano de Prosa com Café!!!!

2 comentários:

O Incrivel homem que derreteu disse...

legal legal...

parece até a letra de uma musica !
ficaria massa.

Marcelo Martin disse...

ótima reflexão! Que possamos viver cada dia com intensidade!
Uma ótima semana!