quinta-feira, 14 de maio de 2009

O Céu

Não vejo a hora de ir pra casa. Encontrar meu pai, e eu como pródigo sentir o beijo no rosto e vê-lo de braços abertos. Queria respirar bem fundo e saber que não existem mais problemas, que a tribulação passou e é tempo de bonança. Queria sentir a sensação de que existe paz ali, sentir a sensação de que nada mais importa. Queria querer saber, mas não saber pra não sofrer. Queria sentir a paz, sentir o amor e viver o eterno.

A noiva está preste a ser encontrada, e eu não vejo a hora de voltar pra casa.

Hélen.
Desculpe o suposto abandono; Em breve voltarei com tudo.

Estou com saudades!!!! beijos ;@@

6 comentários:

Deize...na minha constante imperfeição disse...

Ao lado do pai...

Aguardo anciosamente por esse dia, enquanto isso a minha intimidade está intacta e sinto que ele está sempre presente bem pertinho de mim (de nós).

Bruna Bianconi disse...

aguardo esse dia também! :)
te amo!

lucas macedo disse...

eu não vejo a hora de voltar pra casa *---*

te amo dreduda :B

Elaine disse...

Olá!
Acredito que nossa alma espera ansiosa pelo regresso. Mas cada coisa a seu tempo, né?
Pois há mesmo um tempo para cada coisa.
Beijos, menina.

bru. disse...

esse dia vai ser mara! ;@

Yasmine disse...

uooouuuu!
eu também quero (:

beijo bob *: